Trabalhador em Escolta Armada faz assembleia online

226

O Sindicato dos Trabalhadores em Serviços de Carro Forte, Guarda, Transporte De Valores, Escolta Armada, seus Anexos e Afins do Estado de São Paulo-Ps convoca os trabalhadores para Assembleia Online Geral Extraordinária da Campanha Salarial 2023. Leia abaixo o edital publicado nos Jornais Folha de S.Paulo e Diário Oficial Empresarial.

Edital de Convocação, setor Escolta Armada.
(Exclusiva para índice econômico – Campanha Salarial 2023).

“Ficam convocados por este Edital todos os trabalhadores em Serviços de Escolta Armada no Estado de São Paulo – PS, associados ou não, a participar da Assembleia Geral Extraordinária – VIRTUAL – que será realizada no site da entidade, para apresentação da proposta econômica a ser encaminhada ao Patronal.

Assim, ficam informados aos trabalhadores deste setor que a entidade disponibilizará a esse segmento e ficará disponível por 24 horas ininterruptas o site www.sindforte.org.br pelo prazo de 10 dias.

INÍCIO
A assembleia on-line inicia-se em 25 de outubro de 2022 com término no dia 3 de novembro de 2022, em qualquer horário que quiser acessar para que possam votar SIM em aprovação da proposta do Sindicato de reajustar o salário pelo INPC /IBGE acumulado entre os meses de janeiro a 30 de dezembro de 2022 e aumento real de 3% e NÃO para sua não aprovação.

COMO VOTAR
No site de votação deverá inserir nos campos solicitado o seguinte:
a) Nome completo.
b) Documento de identificação, CPF.
c) Empresa em que trabalha.

OBJETIVO DA ASSEMBLEIA
Assembleia VIRTUAL irá autorizar a entidade a:
1) Promover a instalação da Campanha Salarial dos Trabalhadores do Setor de Escolta Armada, data-base 1° de janeiro de 2023, cláusulas econômicas e sociais.
2) Aprovação para elaboração da pauta final de reivindicações com reajuste salarial uniforme, a partir de 1° de janeiro de 2023.
3) Delegar poderes à diretoria do Sindicato para negociar a pauta com o SEEMESP – Sindicato das Empresas de Escolta Armada do Estado de São Paulo, firmar Convenção Coletiva de trabalho; se possível for, e se necessário, suscitar Dissídio Coletivo perante a Justiça do Trabalho, conforme disposto no Artigo 114, Inciso IX da CLT, Parágrafo 2.º da EC. 45 08/12/2004.
4) Decretar greve no âmbito da categoria profissional nos termos das normas legais e estatutárias vigentes, isto, caso malogrem as negociações amigáveis.
5) Manutenção da assembleia geral em caráter permanente até a conclusão do processo de negociação salarial.
6) Aprovada a pauta, será aprovado o percentual a ser descontado a título de contribuição assistencial, ficando clara sua autorização com a aprovação das reivindicações.

João dos Passos da Silva, Presidente.”

PARTICIPE – Pedimos a ampla participação dos trabalhadores e trabalhadoras. Por ser online e 24 horas, durante 10 dias, TODOS terão oportunidade a participar da assembleia e se manifestar.

PRESIDENTE – Nosso presidente João Passos afirma: “A tecnologia possibilita esse tipo de assembleia, que tem plena validade legal. O formato online é rápido e econômico, por não precisar a pessoa se deslocar”.

Mais – Fique ligado em nosso site.